Precisa de ajuda?

+ 55 11 3706-2995
[email protected]

Livro Impresso

O bebê é meu



Braithwaite, Oyinkan (Autor), Facchin, Carolina Kuhn (Tradutor), Taira, Daniela Miwa (Capista)

Literatura nigeriana, Literatura africana contemporânea, Oyinkan Braithwaite, lockdown, COVID-19, Nigéria, pandemia


Sinopse

Em O BEBÊ É MEU, thriller de suspense, a namorada de Bambi, Mide, o expulsa de seu apartamento, onde eles estavam quarentenados, depois de descobrir que ele estava tendo um caso com outra mulher. Sem ter para onde ir, e com medo de acabar preso por estar na rua em meio ao lockdown, Bambi vai se refugiar na casa do tio, que havia morrido no início da pandemia. Bambi imaginava que a casa estaria vazia, mas estava enganado: ao chegar, encontra não só a tia, Bidemi, mas também a amante do tio, Esohe. E não só as duas: dormindo em um bercinho está um bebê. Mas Bambi não consegue saber de quem é o bebê. O isolamento causado pelo surto de COVID-19 é quase uma personagem, um elemento que faz crescer a tensão em uma situação inusitada. Com o humor ácido que fez de "Minha irmã, a serial killer" um sucesso, Oyinkan Braithwaite nos apresenta um dilema: de quem é esse bebê?

TRECHO:
“Mas não vi nenhum policial e nenhum outro carro na rua. Era só uma da manhã, mas mesmo assim... estávamos em Lagos! Abuja pode ser a capital, mas é em Lagos que todo mundo quer estar – a cidade está transbordando com vinte milhões de habitantes. Então foi estranho passar pela Rodovia Alexander e não ver quase nenhum veículo. É difícil imaginar que algum dia a vida vai voltar a ser o que era."

Metadado adicionado por Kapulana em 26/04/2021

Encontrou alguma informação errada? Perguntar para a Kapulana

ISBN relacionados

--


Metadados completos:

  • 9786587231051
  • Livro Impresso
  • O bebê é meu
  • --
  • 1 ª edição
  • --
  • --
  • --
  • --
  • Edição de bolso
  • The baby is mine
  • Braithwaite, Oyinkan (Autor), Facchin, Carolina Kuhn (Tradutor), Taira, Daniela Miwa (Capista)
  • Literatura nigeriana, Literatura africana contemporânea, Oyinkan Braithwaite, lockdown, COVID-19, Nigéria, pandemia
  • Literatura estrangeira
  • Ni823
  • FIC030000
  • 2021
  • 27/05/2021
  • Português
  • Brasil
  • acima de 12 anos
  • Livre para todos os públicos
  • 12 x 18 x 1 cm
  • 0.072 kg
  • Brochura
  • 78 páginas
  • R$ 23,90
  • 49019900 - livros, brochuras e impressos semelhantes
  • 9786587231051
  • 9786587231051
  • --

Sumário

Em O BEBÊ É MEU, thriller de suspense, a namorada de Bambi, Mide, o expulsa de seu apartamento, onde eles estavam quarentenados, depois de descobrir que ele estava tendo um caso com outra mulher. Sem ter para onde ir, e com medo de acabar preso por estar na rua em meio ao lockdown, Bambi vai se refugiar na casa do tio, que havia morrido no início da pandemia. Bambi imaginava que a casa estaria vazia, mas estava enganado: ao chegar, encontra não só a tia, Bidemi, mas também a amante do tio, Esohe. E não só as duas: dormindo em um bercinho está um bebê. Mas Bambi não consegue saber de quem é o bebê. O isolamento causado pelo surto de COVID-19 é quase uma personagem, um elemento que faz crescer a tensão em uma situação inusitada. Com o humor ácido que fez de "Minha irmã, a serial killer" um sucesso, Oyinkan Braithwaite nos apresenta um dilema: de quem é esse bebê?



Áreas do selo: ArtesInfantojuvenilLiteratura estrangeiraLiteratura nacionalTeoria e crítica literária

A Editora Kapulana publica títulos de ficção, em prosa e poesia, dedicados tanto ao público adulto como para crianças e jovens. Suas publicações são de autores brasileiros e africanos e contemplam ampla diversidade de gêneros como literatura infantil (brasileira, africana e bilíngue), literatura de cordel, crítica literária, e contos contemporâneos e tradicionais.

Saiba mais