Precisa de ajuda?

+ 55 11 3706-2995
[email protected]

Livro Impresso

A saga dos intelectuais franceses
a prova da história (1944-1968)



François (Autor), Teixeira, Guilherme João de Freitas (Tradutor)

Pós-guerra, filósofos franceses, Cornelius Castoriadis, Lévi-Strauss, Guerra Fria, Sartre, albert camus, simone de beauvoir, françois mauriac, merleau-Ponty, Charles de Gaulle, 1968


Sinopse

O projeto empreendido por François Dosse em A saga dos intelectuais franceses 1944-1989 nos traz uma historiografia comentada da intelligentsia francesa na segunda metade do século XX, face aos acontecimentos do pós-Segunda Guerra Mundial aos eventos de 1989. A obra é mais do que uma “história” reconstruída por meio das principais figuras da época, e sim uma “narração” em que não se excluem mitologias sociais, sonhos e esperanças dos protagonistas, ilusões, decepções e proclamações. A obra aborda a evolução das ideias que dominaram cada momento, da história intelectual da França e, em grande parte, da Europa e do mundo.

Ninguém estava mais bem equipado do que François Dosse para enfrentar este desafio: narrar de forma panorâmica e sistemática a aventura histórica e criativa dos intelectuais franceses, que vai da Libertação e do fim da Segunda Guerra Mundial ao bicentenário da Revolução Francesa e à defenestração do muro de Berlim.

Este primeiro volume, 1944-1968, abarca os anos de Camus, Sartre e Beauvoir e as suas controvérsias, as relações contrastantes com o comunismo, o choque de 1956, as revoluções chinesa e cubana, a Guerra da Argélia, a consolidação do terceiro-mundismo, a irrupção do momento gaulliano e a sua contestação: é um período dominado pelo teste da história, a influência do comunismo e a progressiva desilusão subsequente.

O segundo volume, 1968-1989, vai das utopias esquerdistas e do combate contra o totalitarismo, à “nova filosofia”, ao advento de uma consciência emancipadora e ecológica e à desorientação da década de 1980: um tempo marcado pela crise do futuro e que vê se instalar a hegemonia das ciências humanas.
Eis apenas alguns dos pontos de referência desta saga que engloba um dos períodos mais efervescentes e criativos da intelligentsia francesa, de Sartre a Lévi-Strauss e Foucault e de Lacan a Barthes e Derrida.
O tema já suscitou uma vasta bibliografia, mas um afresco de tal amplitude destina-se a fazer época.

Metadado adicionado por Editora Estação Liberdade em 06/07/2021

Encontrou alguma informação errada? Perguntar para a Editora Estação Liberdade

ISBN relacionados

--


Metadados completos:

  • 9786586068238
  • Livro Impresso
  • A saga dos intelectuais franceses
  • a prova da história (1944-1968)
  • 1 ª edição
  • --
  • --
  • --
  • 1
  • --
  • La saga des intellectuels français, I: À l'épreuve de l'histoire (1944-1968)
  • François (Autor), Teixeira, Guilherme João de Freitas (Tradutor)
  • Pós-guerra, filósofos franceses, Cornelius Castoriadis, Lévi-Strauss, Guerra Fria, Sartre, albert camus, simone de beauvoir, françois mauriac, merleau-Ponty, Charles de Gaulle, 1968
  • Humanidades
  • HIS013000, PHI046000
  • 2021
  • 26/07/2021
  • Português
  • Brasil
  • --
  • Livre para todos os públicos
  • 16 x 23 x 3.6 cm
  • 0.964 kg
  • Brochura
  • 701 páginas
  • R$ 129,00
  • 49019900 - livros, brochuras e impressos semelhantes
  • 9786586068238
  • 9786586068238
  • --